terça-feira, 3 de setembro de 2019

Lei federal garante desconto em programas culturais para jovens


O assunto do Tarde Nacional - Brasília é a Identidade Jovem - mais conhecida como ID Jovem. O ID Jovem foi estabelecido por lei federal em 2013, que garante a jovens de baixa renda, com idade entre 15 e 29 anos, passagens interestaduais de ônibus e descontos em várias atividades culturais. Quem explicou melhor o programa foi o secretário da Juventude do Distrito Federal, Leo Bijos.

De acordo com o secretário, "(o ID Jovem) é um direito que os jovens não sabem que tem". Para fazer parte do programa, é preciso estar cadastrado no Cadastro Único, apresentar documento de identidade e um comprovante que ateste renda de até dois salários mínimos. Esse cadastro pode ser feito na Caixa Econômica Federal, no site da Secretaria Nacional da Juventude e pelo aplicativo do ID Jovem, disponível tanto para plataformas Android quanto iOS.

No Distrito Federal, cerca de cinco mil pessoas estão cadastradas no ID Jovem. A meta da secretaria distrital é chegar até o fim do ano com pelo menos 50 mil jovens cadastrados.

Fonte: EBC

Nenhum comentário:

Postar um comentário