quarta-feira, 31 de outubro de 2018

ATENÇÃO TANGARAENSES - Dia 2 de novembro NÃO HAVERÁ coleta de LIXO.


Comunicado:



A prefeitura de Tangará informa que nesta sexta-feira dia 02 de novembro, feriado nacional, não haverá coleta de lixo. A empresa responsável estará realizando o serviço no sábado dia 03, somente na parte da manhã.

Prazo para justificar ausência no segundo turno vai até 27 de dezembro


Quem não justificou ausência no 2º turno tem até 27 de 
dezembro para regularizar situação - Arquivo/Agência Brasil

Os eleitores que não compareceram ao local de votação neste domingo (28) e não justificaram a ausência no segundo turno ainda podem regularizar a situação eleitoral até dezembro. Os ausentes do primeiro turno, realizado em 7 de outubro, tem até de de dezembro para justificar por que não compareceram à votação. Para os que se ausentaram no segundo turno, o prazo vai até 27 de dezembro.

A justificativa pode ser feita mediante o preenchimento de um requerimento disponível no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que deve ser entregue pessoalmente em qualquer cartório eleitoral ou enviado por via postal ao juiz da zona eleitoral na qual é inscrito. Além do formulário, o eleitor deve entregar documentação que comprove a impossibilidade de comparecimento na votação.

Pela internet, o eleitor pode justificar a ausência usando o Sistema Justifica nas páginas do TSE ou dos tribunais regionais. No formulário online, o eleitor deve informar seus dados pessoais, declarar o motivo da ausência e anexar comprovante do impedimento para votar.

O requerimento de justificativa gerará um código de protocolo que permite ao eleitor acompanhar o processo até a decisão final do juiz da zona eleitoral. A justificativa aceita será registrada no histórico do eleitor no Cadastro Eleitoral.

Eleitores no exterior

Os brasileiros que estavam no exterior no dia da votação também deverão encaminhar o formulário de justificativa pós-eleição e a documentação comprobatória até 60 dias após o turno ou em 30 dias contados a partir da data de retorno ao Brasil.

Se estiver inscrito em zona eleitoral do exterior, o eleitor deverá encaminhar o requerimento diretamente ao juiz competente ou ainda entregar nas missões diplomáticas e repartições consulares localizadas no país ou enviar pelo sistema justifica.

Consequências

O Tribunal Superior Eleitoral explica que a não regularização da situação com a Justiça Eleitoral deve pagar multa (por cada turno). O valor é definido pelo juiz eleitoral da região e varia de R$ 3,5 a R$ 35,10. O eleitor faltoso também pode sofrer outras sanções, como impedimento para obter passaporte ou carteira de identidade para receber vencimentos, remuneração, salário ou proventos de função ou emprego público.

A não justificativa impede ainda que o eleitor participe de concorrência ou administrativa da União, dos estados, Distrito Federal e municípios, além de inscrever em concurso público ou tomar posse em cargo e função pública.  (Agência Brasil)

TANGARÁ: CME disputa nesta sexta-feira vaga para semifinal da copa regional

A prefeitura de Tangará convida toda a população para prestigiar nesta sexta-feira dia 2 de novembro, a partida da CME Tangará pelas quartas de final da Copa Regional dos Campeões. O jogo será às 15h30min no estádio municipal Júlio Fuganti, a entrada é livre. Tangaraense, participe, e incentive a equipe do nosso município na conquista da vaga para a semifinal da competição.
É nesta sexta, dia 2 de novembro CME Tangará x Iomerê, às 15h30min no estádio municipal Júlio Fuganti, valendo vaga para a semifinal da Copa Regional dos Campeões, troféu Tangará 70 anos. Participe!

TURISMO: Santa Catarina é pela 11ª vez o melhor estado do Brasil para viajar



Florianópolis foi considerada a melhor cidade e melhor destino de praia do país, pela Revista Viagem & Turismo

Diário Rio do Peixe
reprodução/internet - ilustrativa





reprodução/Julio Cavalheiro
Santa Catarina conquista pela 11ª vez o título de Melhor Estado para Viajar no Brasil, com o maior número de votos no 17º Prêmio O Melhor de Viagem e Turismo 2018/2019, promovido pela Revista Viagem & Turismo, da Editora Abril. Florianópolis foi considerada a melhor cidade e melhor destino de praia do país.

O Estado ainda se destaca com outras atrações: o Beto Carrero World, em Penha, ganhou na categoria Melhor Parque Temático do Brasil, o Costão do Santinho, em Florianópolis, foi considerado o Melhor Resort e o Fazzenda Park Hotel, em Gaspar, ganhou como Melhor Hotel Fazenda.

Ao contrário das edições anteriores, onde havia júri técnico e jornalistas, neste ano, foi o público que elegeu os ganhadores. Viajantes e leitores de todo mundo participaram de votação no site da revista, entre os dias 18 de julho e 16 de setembro de 2018. No total foram recebidos 4.611 respostas.



Conheça todos os vencedores:

Top of Mind: CVC
Melhor estado: Santa Catarina
Melhor cidade: Florianópolis
Melhor destino de praia: Florianópolis
Melhor destino de inverno: Gramado
Melhor destino de ecoturismo: Bonito
Melhor Parque Temático no Brasil: Beto Carrero World
Melhor Parque Temático no Exterior: Walt Disney World
Melhor Parque Aquático do Brasil: Beach Park
Melhor país: Estados Unidos
Melhor operadora de turismo: CVC
Melhor operadora de turismo de luxo: Queensberry
Melhor operadora de cursos no exterior: Central de Intercâmbio (CI)
Melhor agência de viagens online: Decolar
Melhor companhia aérea nacional: Azul Linhas Aéreas
Melhor companhia aérea internacional: Emirates
Melhor estação de esqui: Valle Nevado
Melhor navio de cruzeiro: MSC Preziosa
Melhor hotel: Copacabana Palace
Melhor pousada: Maria Bonita (Fernando de Noronha)
Melhor resort: Costão do Santinho
Melhor hotel-fazenda: Fazzenda Park Hotel (Gaspar)
Melhor hostel: Che Lagarto (rede)

Assessoria de comunicação

Prefeitura de Tangará passará a oferecer serviço de exames de Brucelose e Tuberculose bovina


A partir de 2019 a Prefeitura Municipal de Tangará, através do corpo técnico da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio ambiente, oferecerá o serviço de diagnóstico de tuberculose bovina e a coleta de sangue para diagnóstico da brucelose bovina.
Os exames previstos pelo Programa Nacional de Controle e Erradicação da Brucelose e Tuberculose são, em geral, solicitados por produtores de leite que desejam obter certificado de rebanho livre para melhorar o valor recebido por litro de leite. O exame também costuma servir a produtores que irão comprar ou vender animais que serão incorporados ao rebanho. O exame é fundamental para que o produtor não compre ou venda animais com a saúde comprometida, sendo inclusive, requisito para liberação de financiamentos bancários para aquisição de bovinos.
A habilitação é concedida pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento a veterinários que passaram por curso de habilitação, atingiram nota satisfatória em avaliação específica e possuem materiais necessários para a execução dos trabalhos. Agora restam apenas alguns detalhes como a licitação do peptídeo purificado (injetável necessário para o teste da tuberculose) para que possamos dar início aos trabalhos.
Assim que o serviço estiver disponível, precisará ser agendado na Secretaria de Agricultura do município e os custos de realização dos exames ocorrerão da seguinte forma:
O que o produtor pagará?
O que a prefeitura pagará?
Custo do exame laboratorial de cada animal testado para diagnóstico da brucelose (Aprox. R$6,50)
- Honorários veterinários;
- Deslocamento do médico veterinário até a propriedade;
-Equipamentos e Insumos para exame diagnóstico da Tuberculose;
- Insumos para coleta de sangue para diagnóstico da Brucelose;
- Envio de amostras de sangue até o laboratório;
- Retirada dos laudos no laboratório;
- Impressões necessárias para arquivamento e prestação mensal de contas à CIDASC.

Outras informações na Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente do Município.
As informações são da Prefeitura Municipal.

Dia do Saci tem ação com contação de histórias, em Xaxim, Oeste de SC



Hoje quarta-feira, dia 31/10, é o Dia do Saci, e em Xaxim, no Oeste de SC tem atividade. A ONG Salva Cultura e Arte promove  uma ação com contação de histórias. A entrada é gratuita e toda comunidade está convidada para participar. A data homenageia o Saci-Pererê, figura mitológica do imaginário folclórico brasileiro desde 2003.



Confira:
Dia do Saci – com contação de histórias pela ONG Salva Cultura e Arte
Data: 31/10 – quarta-feira
Horário: 9h
Local: Ecoparque Sol Nascente - Rua Cuiabá, s/n – Xaxim/SC
Entrada gratuita



Vamos conhecer mais sobre a ONG.


Projeto Folclore do Oeste é realizado pela ONG Salva, em Xaxim, Oeste de SC

Objetivo da ação é resgatar fatos históricos da região e valorizar as riquezas naturais em atividades gratuitas

               Afim de promover a proteção ambiental, levantar fatos históricos da região e valorizar as riquezas naturais, como vales e cachoeiras da cidade de Xaxim, no Oeste de SC, a ONG Salva Cultura e Arte, realiza o Projeto Folclore do Oeste e pretende lançar um livro de contos denominado “Guias de Luz”. De acordo com o fundador e voluntário da ONG, o dentista, Tiago Gheno 31 anos, a ideia de se criar um conto novo é porque as histórias de sacis e curupiras que eram contadas não eram impactantes e não ganhavam a afeição das crianças.
“Por isso criamos, dentro dos fatos históricos personagens e seres místicos que protegem a natureza e harmonizam paz”, destaca Tiago, responsável pelo texto da publicação que vai receber imagens desenvolvidas especialmente para o projeto do artista visual Rogério Puhl.
Tiago conta que o material ainda está em fase de construção e que além da publicação das histórias no formato gibi, devem ser desenvolvidas cartas e jogos para que as crianças também possam criar e ser coautoras.
Por enquanto são realizadas contações da história com os artistas Manolo Kottwitz e Murilo Kampferd Chaise que interpretam Pai Zumé e Coiote, dois seres místicos. Eles contam para as crianças sobre saci, curupira e a pequena queda da água (significado do nome Xaxim, segundo a língua tupi-guarani), e pedem ajuda para proteger a natureza. Segundo Tiago, ao longo da apresentação as crianças participam do plantio de árvores e flores nos parques e espaços públicos onde são realizadas as atividades.
“O projeto foi custeado por voluntários da Salva e com recursos do fundo de multas destinado pelo Ministério Público de Xaxim. No entanto, quem quiser apoiar este e outros projetos podem fazer depósitos na conta corrente da Salva 24612-3, agência 0996-2 do Banco do Brasil”, explica.

ONG Salva Cultura e Arte
A organização não governamental, Salva Cultura e Arte, fundada em 2012, no município de Xaxim, Oeste de SC, tem como objetivo ampliar as perspectivas de adolescentes da cidade. Segundo o fundador, Tiago Gheno, a Salva nasceu da necessidade de ajudar crianças e adolescentes que, apesar de toda energia e vontade de aprender, sofriam com as más condições do ambiente e a falta de perspectivas futuras.
“A Salva visa o desenvolvimento das potencialidades humanas, buscando ampliar as perspectivas socioculturais dos adolescentes vulneráveis socialmente de Xaxim. Nós acreditamos que por meio da arte, cultura, meio ambiente, esporte, teatro, música, literatura e tudo isso baseando na responsabilidade, respeito pelas diferenças e amor ao próximo, conseguiremos atingir grandes mudanças sociais”, destaca Gheno.
               O fundador explica ainda que um dos requisitos básicos para os interessados poderem participar do projeto é estar matriculado no ensino regular.

Conheça mais acessando o site www.salva.org.br  ou a página no Facebook www.facebook.com/Salvaculturaearte

As informações são de Tiago Gheno

PREVISÃO DO TEMPO - Chuva retorna nesta quarta-feira em Santa Catarina



Esta quarta-feira volta a ser de tempo instável. A diminuição da pressão do ar a partir da Argentina e a aproximação de uma frente fria que estará no Rio Grande do Sul, serão os responsáveis pela mudança. 

Quarta-feira (31/10):


Tempo: encoberto com chuva e raios do Oeste ao Litoral Sul no decorrer do dia. Nas demais regiões, aumento de nebulosidade com chuva na tarde e noite. Temporais isolados, com chuva moderada a forte por alguns momentos especialmente no Oeste e Meio Oeste (veja aviso). 
Temperatura: elevada no Litoral e norte do Estado, amena nas demais regiões devido à nebulosidade e à chuva.
Vento: nordeste a noroeste, fraco a moderado com rajadas.
Sistema: sistema de alta pressão na costa sul do Brasil. Cavado (área alongada de baixa pressão) no Oeste de SC e avanço de frente fria pelo RS e SC. 

Quinta-feira (01/11):


Tempo: encoberto com chuva em todas as regiões, devido ao avanço da frente fria por SC. No Planalto Sul e Litoral Sul a chuva diminui, com melhoria no tempo entre o fim da tarde e noite.
Temperatura: amena por causa da cobertura de nuvens e a chuva.
Vento: noroeste passando a sudeste, fraco a moderado com rajadas.

Sexta-feira (02/11):


Tempo: predomínio de nuvens em SC, com pancadas de chuva no Oeste e Meio Oeste a partir da tarde. 
Temperatura: elevada.
Vento: sudeste a nordeste, fraco a moderado.

Sábado (03/11):


Tempo: predomínio de nuvens com chuva no decorrer do período, principalmente do Oeste ao Litoral Sul. 
Temperatura: amena, devido à nebulosidade e à chuva.
Vento: nordeste, com variações de oeste no Oeste e Meio Oeste catarinense, fraco a moderado.

TENDÊNCIA de 04 a 12 novembro de 2018

Durante o período ocorre chuva com freqüência em SC, devido a áreas de baixa pressão e à passagem de uma frente fria entre os dias 09 e 10/11, alternando com 1 a 2 dias de tempo firme sem chuva. Temperatura amena, devido ao predomínio de nuvens na maior parte do período. As informações são da Epagri/Ciram.

TANGARÁ - Confira a lista provisória dos aprovados no processo seletivo



Foi publicada na manhã desta terça-feira (30), a lista provisória dos aprovados no processo seletivo de ingresso em cargo público de provimento temporário para a Prefeitura Municipal de Tangará.

A lista poderá se acessada em anexo, ou clicando AQUI

terça-feira, 30 de outubro de 2018

Terça-feira terá sol entre nuvens e temperaturas mais elevadas

Ilustrativa/reprodução


A terça-feira (30) é um dia de tempo seco em Santa Catarina e com a presença do sol. Pela manhã, o sol já predomina em cidades do Oeste e do Sul, e foi esse céu mais limpo desde a madrugada que ajudou a provocar um amanhecer mais ameno nessas duas regiões.
Sol predomina nas áreas mais escuras do mapa, como em toda a região Oeste e Sul do estado.

No restante do Estado, o sol divide espaço com as nuvens, sendo que pela manhã as nebulosidade acaba predominando um pouco mais, com o sol aparecendo no decorrer do dia.

As temperaturas também vão ser destaque nessa terça-feira, faz calor no período da tarde, com máximas de até 30°C em pontos do Oeste e do Sul, 27°C no Vale do Itajaí e na região Norte.

VOLTA DO TEMPO INSTÁVEL Na quarta-feira (31) o tempo deverá mudar. Dois serão os sistemas serão responsáveis pela volta do tempo instável no nosso estado. O primeiro deles é a diminuição da pressão do ar nos países vizinhos, Argentina e Paraguai, e o segundo é a aproximação de uma frente fria que estará pelo Rio Grande do Sul. 

Desta forma, todas as regiões de Santa Catarina terão uma quarta-feira de céu nublado com o sol aparecendo pouco e só em algumas áreas. Há previsão de chuva que de manhã é mais no Oeste, Serra e Sul. Já ao longo do dia, em todas as regiões. Chamo atenção que há chance de chuva forte para as cidades do Oeste. 

por:Bianca Souza - Técnica em Meteorologia -DC

TANGARÁ: CETA promove Pastelada e Campeonato municipal de Xadrez no próximo dia 10

Ilustrativa/reprodução arquivo internet.

A APP da Escola Mara Regina Simionatto, o Ceta, está promovendo uma pastelada e o campeonato municipal de xadrez, nas categorias livre e escolar, no sábado dia 10 de novembro. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas na escola ou com o professor Waldemor Slongo. A premiação será de troféu e medalhas. A pastelada inicia as 09h, e serão três pastéis por R$10,00, o campeonato de xadrez terá início às 13h30min. Participe, neste dia 10 de novembro, pastelada e campeonato municipal de xadrez, na escola Ceta. Uma promoção da APP, com apoio da Prefeitura de Tangará.

REGIÃO: Elenco do Fraiburgo Futsal convida para o jogo da próxima quarta-feira 31 de outubro.

Todos os caminhos levam ao Centro de Eventos Sebastião Andrade dos Santos, nesta quarta-feira 31 de outubro, às 20h15min.
Na oportunidade o Fraiburgo Futsal/Superviza enfrenta a ANG/Capinzal, partida válida pela 2ª rodada da COPA LCF 2018, para continuar contando com o apoio de sua torcida, mais uma vez a equipe fraiburguense faz a PROMOÇÃO DO DEIZÃO.
Dois torcedores ou duas torcedoras assistem à partida por apenas R$ 10.00! Isso mesmo, com apenas R$ 10.00, você assiste e convida mais alguém para assistir o estreia em casa do Fraiburgo Futsal/Superviza na COPA LCF 2018.

Fonte: Ascom Fraiburgo Futsal

ATENÇÃO: Horário de verão começa no próximo dia 4 de novembro

O horário de verão inicia a zero hora deste  domingo dia 4 de novembro, quando os relógios devem ser adiantados em um hora. Geralmente, o horário inicia no mês de outubro, mas a data foi alterada por conta das Eleições. Já a  data final para o horário de verão foi mantida para o terceiro domingo de fevereiro de 2019.
Estados que devem ajustar o relógio


Os relógios devem ser adiantados em uma hora. O horário é adotado nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e no Distrito Federal.

TANGARÁ: Convite para o Jogo da Copa Regional dos Campeões - CME Tangará x Iomerê



A prefeitura de Tangará convida toda a população para prestigiar nesta sexta-feira dia 2 de
novembro, a partida da CME Tangará pelas quartas de final da Copa Regional dos Campeões. O jogo será às 15h30min no estádio municipal Júlio Fuganti, a entrada é livre. Tangaraense, participe, e incentive a equipe tangaraense na conquista da vaga para a semifinal da competição.

É nesta sexta, dia 2 de novembro CME Tangará x Iomerê, às 15h30min no estádio municipal Júlio Fuganti, valendo vaga para a semifinal da Copa Regional dos Campeões, troféu Tangará 70 anos. Participe!

Santa Catarina terá produtividade recorde de milho



Produtores rurais das regiões de Xanxerê e Campos Novos já registram uma produtividade média de 10 toneladas de milho por hectare. Santa Catarina amplia área plantada do grão e deve colher 2,77 milhões de toneladas de milho na próxima safra. As estimativas são do Centro de Socioeconomia e Planejamento Agrícola (Epagri/Cepa) e foram apresentadas nesta segunda-feira (29) ao secretário de Estado da Agricultura e da Pesca, Airton Spies, e representantes do setor cooperativista catarinense.

A produtividade média das lavouras catarinenses está estimada em 8,15 toneladas/hectare – o maior rendimento do Brasil – e a expectativa é de que até 2020 todas as regiões alcancem a produtividade de Campos Novos e Xanxerê. “Com sementes de alto valor genético e com alto padrão de produtividade, nós esperamos uma safra muito boa. Os produtores catarinenses investem cada vez mais em tecnologias e, se o clima for favorável, nós vamos fazer da safra 2018/19 um recorde na produção”, ressalta o secretário Airton Spies.

Segundo as estimativas da Epagri/Cepa, Santa Catarina terá um aumento de 8,16% na produção de milho na próxima safra e de 5,8% na área plantada – que chegará a 340,3 mil hectares. O incremento na safra pode ser explicado pela alta nos preços do milho no início deste ano, que acabou incentivando os produtores a investirem no plantio do grão, e também pela necessidade da rotação de culturas nas plantações de soja para evitar pragas.

O milho é o grão de ouro para Santa Catarina, fundamental para abastecer as cadeias produtivas de proteína animal. O agronegócio catarinense consome aproximadamente sete milhões de toneladas de milho por ano – sendo que, mais de quatro milhões de toneladas são importadas de outros estados.

Produtividade
Desde 2013, Santa Catarina já ampliou em 19% a produtividade das lavouras de milho, ou seja, os produtores hoje colhem em média 1,3 toneladas a mais por hectare. A cada ano, o ganho foi de 185 quilos/hectare.

Convênio Cooperativismo
O sistema cooperativista catarinense receberá as informações da Epagri/Cepa. Um convênio assinado entre a Organização das Cooperativas do Estado de Santa Catarina (Ocesc) e a Epagri dará viabilidade a um sistema unificado de informações agrícolas.

O projeto dará subsídios para que as cooperativas tomem as melhores decisões. “Hoje, os agricultores têm dificuldade ao acesso a informações, que se encontram descentralizadas em diferentes fontes de pesquisa e, muitas vezes, não estão relacionadas. Esse termo de cooperação trará ganhos inestimáveis para o setor e para as cooperativas, dando mais segurança para investimentos e garantindo competitividade”, comenta o presidente da Ocesc, Luiz Vicente Suzin.
O termo prevê, até 2023, a modelagem de sistemas de preço, safras, estatística agropecuária, além de monitoramento de commodities, missões técnicas prospectivas, reuniões de avaliação e prospecção de estudo em gestão da informação e conhecimento socioeconômico na agropecuária.

“O lucro do produtor rural está no detalhe. E o acesso à informação faz uma grande diferença na tomada de decisões dos produtores. Essa parceria entre cooperativas e Epagri/Cepa diminui a assimetria no acesso à informação e irá render bons frutos para Santa Catarina”, destaca o secretário Spies.  


Assessoria de Imprensa

Cresol Tangará realizou ação de prevenção referente ao Outubro Rosa e Novembro Azul




A atividade contou com a participação de associados e pessoas da comunidade




A cada ano os Movimentos Outubro Rosa e Novembro Azul se fortalecem e a luta contra o câncer ganha maior visibilidade. As organizações por sua vez, tem um papel tão importante quanto os setores de saúde nesta luta. 

Sendo assim, a Cresol Tangará (SC), realizou no dia 25/10/2018, ação alusiva aos meses de combate ao câncer de mama e próstata, com o objetivo de informar, conscientizar e mobilizar a sociedade a favor da prevenção. 

Folders com orientações foram entregues aos associados e pessoas da comunidade que passaram pela agência, bem como sorteados brindes.

Para a Coordenadora da Cresol Tangará, Grasiele Carletto Frizzo, essas ações são fundamentais para demonstrar o comprometimento que a Cresol tem com a Comunidade, valorizando a saúde e bem estar dos nossos associados e o público em geral.

Segundo o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva – INCA, o câncer de mama é o tipo de câncer mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil e o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens (atrás apenas do câncer de pele não-melanoma).

Fotos:





segunda-feira, 29 de outubro de 2018

TANGARÁ: 1ª etapa do Paradouro do Circuito de Caravaggio é concluída


    A Administração Municipal de Tangará, através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo, com o apoio da Secretaria de Obras e Urbanismo, iniciou a primeira fase da construção do paradouro, localizado na Comunidade do Caravaggio, produto turístico que faz parte do Circuito de Caravaggio. O mirante construído agrega o turismo de contemplação, sendo que através dele é possível observar um belo vale paisagístico e o Morro Agudo.

    As obras do paradouro ainda não estão concluídas e tiveram inicio com a escavação da parte lateral esquerda da rua, a fim de possibilitar um estacionamento. Na parte que sustenta o paradouro foi construído um "guard rail" de madeira rustica de pinheiro, e uma calçada de lajotas, de modo que os visitantes e turistas possam contemplar com mais conforto a paisagem que a comunidade do Caravaggio proporciona.

    O Circuito do Caravaggio é um dos projetos da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo e será o primeiro circuito de enoturismo do Estado de Santa Catarina idealizado e coordenado pela Dra. Márcia Maluf Palei. São 25 km de extensão abrangendo sete propriedades, cada uma com sua peculiaridade.

    Além de turismo de experiência, turismo de contemplação, turismo religioso, esportes radicais, gastronomia, hotelaria, doces e muito vinho o circuito ainda trás uma novidade. A inclusão de um doce de corte de uva, produzido pela família Comachio que está em processo de inclusão no movimento internacional de resgate de saberes e fazeres denominado "Slow Food - Arca dos Sabores".

    Segundo a Secretária de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Tangará, Mariângela Fontana esse é um importante passo dado no projeto que contempla ainda diversas ações voltadas ao turismo rural que serão desenvolvidas ao longo dos próximos meses até a sua conclusão. "Temos a certeza que esse projeto será um marco para o nosso município e para a nossa região. O Circuito de Caravaggio sem dúvidas, será uma ótima opção para os turistas que visitarem a nossa região", comenta.

    A inauguração do circuito está prevista para o primeiro semestre de 2019.


    fonte:Prefeitura Municipal

    NACIONAL/Eleições 2018 - Bolsonaro vence em 16 unidades da Federação, Haddad em 11



    Com 55,13% dos votos válidos, o candidato Jair Bolsonaro (PSL) ganhou em 15 estados e no Distrito Federal. O oponente, o candidato do PT, Fernando Haddad, liderou em 11 estados.

    Por ordem alfabética, Bolsonaro venceu no Acre, no Amapá, no Amazonas, no Distrito Federal, no Espírito Santo, em Goiás, no Mato Grosso, no Mato Grosso do Sul, em Minas Gerais, no Paraná, no Rio Grande do Sul, no Rio de Janeiro, em Rondônia, em Roraima, em Santa Catarina e em São Paulo.

    As unidades da Federação onde Bolsonaro obteve os melhores resultados foram Acre (77,22%), Santa Catarina (75,92%), Rondônia (72,18%), Roraima (71,55%) e Distrito Federal (69,99%).

    Haddad venceu em Alagoas, na Bahia, no Ceará, no Maranhão, na Paraíba, em Pernambuco, no Piauí, no Rio Grande do Norte, no Sergipe, no Pará e no Tocantins. As maiores vantagens foram registradas no Piauí (77,05%), no Maranhão (73,26%), na Bahia (72,69%) e no Sergipe (67,54%).

    Bolsonaro venceu em quatro das cinco regiões: Norte (51,9%), Centro-Oeste (66,55%), Sul (68,27%) e Sudeste (65,37%). Haddad venceu somente no Nordeste, com 69,69% dos votos válidos. No exterior, Bolsonaro obteve 70,98%, contra 29,02% de Haddad. 
    Agência Brasil


    PREVISÃO DO TEMPO: Início de semana com sol em Santa Catarina

    A partir de quarta-feira a chuva retorna ao Estado


    Domingo (28/10):
    Tempo: sol e algumas nuvens em SC. Pela manhã, mais nuvens com chuva fraca/isolada no Litoral Sul.
    Temperatura: amena.
    Vento: sul a sudeste, fraco a moderado com rajadas no Litoral.
    Sistema: sistema de alta pressão no Sul do Brasil. Ciclone extratropical no oceano, afastado da costa.
    Segunda-feira (29/10):
    Tempo: estável com sol em SC. No decorrer do dia, aumento de nuvens na Grande Florianópolis e norte do Estado, com chance de chuva fraca à noite.
    Temperatura: mais baixa ao amanhecer e em elevação durante o dia.
    Vento: sudeste a nordeste, fraco.
    Sistema: sistema de alta pressão no Sul do Brasil. 
    Terça-feira (30/10):
    Tempo: estável com sol e algumas nuvens em todas as regiões de SC.
    Temperatura: em elevação.
    Vento: nordeste, fraco a moderado com rajadas no Litoral.
    Quarta-feira (31/10):
    Tempo: encoberto com chuva e raios do Oeste ao Planalto no decorrer do dia, devido a um cavado e avanço de uma nova frente fria pelo RS. Nas demais regiões, aberturas de sol com chuva isolada na tarde e noite.
    Temperatura: mais elevada no Litoral e Vale do Itajaí, amena nas demais regiões.
    Vento: nordeste a noroeste, fraco a moderado com rajadas no Litoral.
    Quinta-feira (01/11):
    Tempo: encoberto com chuva e raios em todas as regiões, mais intensa no Oeste e Meio-Oeste, devido ao avanço da frente fria por SC. 
    Temperatura: amena por causa da cobertura de nuvens.
    Vento: noroeste a sul, fraco a moderado com rajadas.

    TENDÊNCIA de 02 a 10 novembro de 2018

    No início de novembro, a instabilidade com nebulosidade e chuva continua frequente em SC, alternando com 1 a 2 dias de tempo mais firme sem chuva. Temperatura no geral mais amena devido ao predomínio de nuvens na maior parte dos dias. (epagri/ciram)

    Conta de energia deverá ficar mais barata a partir de novembro

    reprodução/ilustrativa
    As contas de energia devem ficar mais baratas a partir de novembro. Segundo a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), a bandeira tarifária vai passar de vermelha para amarela. A informação foi divulgada pela agência nesta sexta-feira (26).
    Com a mudança, a tarifa que era de R$ 5 a cada 100 kWh consumidos vai passar para R$ 1 a cada 100 kWh. Essa tarifa mais alta, cobrada nos últimos cinco meses, pôde ser alterada agora em função do período de chuvas. Com o nível mais elevado dos reservatórios das usinas hidrelétricas é possível produzir mais, e consequentemente, reduzir os preços. Com informações do do Portal Brasil.

    SC/ ELEIÇÕES 2018 - Comandante Moisés é eleito governador de Santa Catarina

    TRE-SC conclui Eleições 2018 com sucesso


    Com 100% das urnas catarinenses apuradas às 20h06 deste domingo (28), o candidato Comandante Moisés (PSL) foi eleito governador de Santa Catarina com 71,09% dos votos válidos. O segundo colocado, Gelson Merísio (PSD / PRB / PDT / PSB / PODE / SOLIDARIEDADE / PROS / PSC / PC do B/ PHS / PP / DEM / PRP / PPL / PV), obteve 28,91%. No estado, Jair Bolsonaro (PSL / PRTB) alcançou a maioria dos votos dos eleitores para presidente: foram 75,92%, enquanto Fernando Haddad (PT / PC do B / PROS) obteve 24,08%.
    O índice de abstenção em Santa Catarina foi de 16,87%. Brancos e nulos somaram 11,73%. O primeiro município catarinense a finalizar a contagem foi Ponte Alta do Norte, às 17h16, e o último Arabutã, às 20h06.
    Em Vidal Ramos, onde foi realizada uma eleição suplementar para prefeito, foi eleito Helmut Stoltenberg (PP / PT / MDB), com 50,47% dos votos válidos. Em segundo lugar ficou Nabor Schmitz (PSD), com 49,53% dos votos. Com informações do TRE-SC.

    quinta-feira, 25 de outubro de 2018

    Saiba o que pode e o que não pode no segundo turno das Eleições 2018


    Lei das Eleições, o Código Eleitoral e as Resoluções do TSE nº 23.551 e nº 23.555/2017 estabelecem uma série de normativas sobre as condutas e propagandas permitidas e proibidas na semana de eleições. Irregularidades detectadas nos dias antecedentes podem ser denunciadas pela Sala de Atendimento ao Cidadão do Ministério Público Federal ou pelo aplicativo Pardal. No dia da eleição, as denúncias devem ser feitas diretamente à Polícia Militar.


    Sexta-feira

    Desde esta sexta-feira (26), antevéspera da eleição, é proibida a propaganda política por meio de comícios ou reuniões públicas e utilização de aparelhagem de som fixa, com exceção do comício de encerramento da campanha, iniciado na quinta-feira, e que pode ser prorrogado até as 2h da sexta.


    Sábado
    É proibida, desde sábado (27), a divulgação paga de propaganda eleitoral na imprensa escrita e em sites do jornal impresso. O horário eleitoral gratuito no rádio e televisão também encerra na sexta e não é mais permitido na véspera, assim como a realização de debates.
    Até as 22h do sábado, é permitida a realização de caminhadas, carreatas, passeatas e distribuição de material gráfico. A data marca também o último dia para propaganda eleitoral mediante alto-falantes ou amplificadores de som, entre 8 e 22h.
    Derramar ou anuir derrame de material de propaganda em locais de votação ou vias próximas, ainda que na véspera da eleição, configura propaganda irregular que sujeita o infrator à limpeza do local ou multa.
    Domingo de eleição
    No dia 28 de outubro será permitida a manifestação individual e silenciosa da preferência do eleitor por partido político, coligação ou candidato. Dessa forma, o eleitor pode portar bandeira, dístico e adesivo. O uso de camiseta é permitido, desde que não seja distribuída por partidos, coligações ou candidatos.
    É vedado o porte de aparelho de telefonia celular, máquinas fotográficas e filmadoras, equipamentos de radiocomunicação ou qualquer instrumento que possa comprometer o sigilo do voto dentro da cabina de votação. Em caso de problemas no momento da votação, o presidente da mesa receptora deve ser avisado para que o ocorrido seja registrado em ata, com a descrição da situação. O registro da reclamação em ata pode ser fotografado pelo eleitor.
    Não é permitida a aglomeração de pessoas portando bandeiras, broches, dísticos e adesivos ou com roupas padronizadas, de modo a caracterizar manifestação coletiva, com ou sem utilização de veículos.
    Os fiscais partidários nos trabalhos de votação só podem estar identificados por meio de crachás que constem o nome e sigla do partido ou coligação, estando vedada a padronização do vestuário.
    O uso de vestuário ou objeto que contenha qualquer propaganda de partido político, de coligação ou de candidato, por servidores da Justiça Eleitoral, mesários e escrutinadores, no recinto das seções eleitorais e juntas apuradoras também é proibido.
    Assim como no primeiro turno, não haverá Lei Seca em Santa Catarina. Logo, o consumo e venda de bebidas alcoólicas não estão proibidos.
    Crimes eleitorais
    Configura crime eleitoral no dia das eleições:
    - Realização de carreatas, comícios e utilização de alto-falantes e amplificadores de som;
    - Propaganda de boca de urna em lugares públicos ou abertos ao público;
    - Derrame de material impresso de propaganda;
    - Divulgação de qualquer espécie de propaganda de partidos políticos ou candidatos, assim como a publicação de novos conteúdos ou o impulsionamento de conteúdo na internet, permitida a manutenção de propaganda divulgada anteriormente ao dia da eleição.
    Tais condutas são puníveis com detenção, de seis meses a um ano, com a alternativa de prestação de serviços à comunidade pelo mesmo período, e multa no valor de R$ 5.320,50 a R$ 15.961,50.
    Entre as vedações já citadas quanto ao dia das eleições, também estão entre os principais crimes eleitorais, dispostos no Código Eleitoral (Título IV, Cap. II):
    - Uso de violência ou grave ameaça para coagir alguém a votar, ou não votar, em determinado candidato ou partido;
    - Promover, no dia da eleição, com o fim de impedir, embaraçar ou fraudar o exercício do voto, a concentração de eleitores sob qualquer forma, inclusive o fornecimento gratuito de alimento e transporte coletivo;
    - Dar, oferecer, prometer, solicitar ou receber, para si ou para outrem, dinheiro, dádiva, ou qualquer outra vantagem, para obter ou dar voto e para conseguir ou prometer abstenção, ainda que a oferta não seja aceita;
    - Causar, propositadamente, dano físico ao equipamento usado na votação ou na totalização de votos ou a suas partes.
    fonte: TRE-SC