sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

Brasil está em rota de ascensão sem deixar de combater a desigualdade, diz Pochmann


Ao se basear no investimento, que cresceu mais do que o consumo, o resultado do Produto Interno Bruto (PIB) em 2013, duas vezes maior que o do ano anterior, aponta recuperação do nível de atividade de forma mais "qualificada", diz o economista Marcio Pochmann. "Estamos em rota de ascensão gradual. E o Brasil está se reposicionando no mundo", afirma o presidente da Fundação Perseu Abramo e ex-presidente do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). "Esse PIB dá resposta a várias questões."

Uma delas, por exemplo: a recuperação brasileira não podia se dar apenas pelo consumo, que segue sendo um fator importante. Mas há um novo contexto mundial, em que a economia não vem sendo mais puxada pelos Brics (grupo que reúne Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), mas se encontra em um momento de "saída da crise" conduzido, principalmente, pelos Estados Unidos. E o Brasil cresceu nos últimos anos via consumo e exportações de commodities.

Além da necessidade de continuar buscando distribuição de renda, Pochmann identifica um novo padrão, que exige investimentos em infraestrutura. E, nesse sentido, avalia o resultado do PIB como "bastante animador", pelo crescimento nesse item. Os investimentos recuaram de 2010 para 2011, chegaram a ser negativos em 2012 e voltaram a subir no ano passado. Foi uma fase difícil de transição, acredita Pochmann, com decisões envolvendo o governo e o setor privado, em setores como estradas, aeroportos, portos, hidrelétrica e petróleo. "E a recuperação do investimento se dá em um período em que a taxa de juros estava subindo, o que é difícil de acontecer", observa.

O reflexo desses acordos entre o poder público e o setor privado deve ser visto pelos próximos três anos. "São investimentos de longa maturação." E também abre perspectivas melhores para o comércio internacional.

O economista também ressalta que essa transição acontece sem prejuízo aos mais pobres e aos trabalhadores. "O país continua combatendo a desigualdade." Em outros países, como na Europa, o ajuste teve alto custo social.
fonte:RBA
imagem ilustrativa

Atleta camponovense é bronze em Sul Americano


A atleta Daniele da Silva esteve competindo no ultimo domingo dia (23/02) no sul-americano de Cross Country em Assunção, capital do Paraguai.

Daniele competiu com mais 46 atletas de 10 países do sul da América, dentre essas 46 atletas, somente as 5 melhores atletas de cada país estavam disputando, pois teriam se classificado em competição Nacional, assim como nossa atleta que obteve a 3º colocação no brasileiro que aconteceu em Timbó – SC.

A classificação de Daniele foi o 15º lugar, um resultado ótimo pois ajudou a equipe do Brasil a estar entre os 3 melhores países do sul da América. Vale ressaltar que as outras 2 atletas que faziam parte da equipe ficaram em 10º e 11º lugar, ajudando assim a esse excelente resultado que foi o 3º lugar por equipe.


A atleta e professores agradecem a ajuda da prefeitura municipal pelo apoio e confiança, pois o trabalho começou nos projetos sociais através da secretaria de esportes e se concretiza num título internacional.




fonte:Oseias Inácio

Liga confirma vinda dos jurados para o Carnaval de Joaçaba

Liga confirma vinda dos jurados para o Carnaval de Joaçaba
Foto:Gilmar Bonamigo, tesoureiro da Liesjho

A Liesjho (Liga Independente das Escolas de Samba de Joaçaba e Herval d´Oeste) confirmou na manhã desta sexta-feira (28) a vinda do corpo de jurados do Rio de Janeiro para o Carnaval de Joaçaba. A participação dos jurados no evento deste ano foi dada como incerta nesta quinta-feira, após o tesoureiro da Liga, Gilmar Bonamigo, revelar na coletiva de imprensa que não poderia honrar o acordo de depositar 50% do valor de forma antecipada.
Segundo Bonamigo, o acordo foi refeito e os jurados aceitaram receber os valores em Joaçaba. “Acertamos na confiança e responsabilidade”, resaltou o tesoureiro.


Os jurados devem chegar a Joaçaba nesta noite.
Fonte:Caco da Rosa

CPI quer multas para empresas que realizarem campanhas com apelo sexual


A presidente da comissão parlamentar de inquérito, CPI, que investiga a exploração sexual de crianças e adolescentes, deputada Érika Kokay, do PT do Distrito Federal, defendeu a aprovação de uma legislação no Brasil que puna, com multas, empresas que se utilizarem de campanhas publicitárias com mulheres com apelo sexual para vender seus produtos.
A posição da parlamentar foi manifestada ao comentar o caso da linha de camisetas da Adidas sobre a Copa do Mundo, com estampas de duplo sentido, que estiveram à venda no site da empresa nos Estados Unidos. Ao mesmo tempo em que falavam da paixão do brasileiro pelo futebol, as camisetas reforçavam o apelo sexual.
Também o deputado Danrley de Deus, do PSD do Rio Grande do Sul, ex-goleiro do Grêmio, espera que a Adidas explique o que motivou a empresa a comercializar as camisetas.
Numa delas, estava a figura de uma moça de biquíni, com a frase "Lookin to Score", que pode ser traduzida por "em busca de gols", mas também é uma expressão que significa "Pegar Garotas", de uma maneira mais sexual.
Já outra camiseta trazia um coração amarelo que também podia ser enxergado no formato de nádegas, com um fio dental verde. As peças irritaram o governo brasileiro e levou a presidente Dilma Rousseff a escrever no twitter que o país não aceitava e estava pronto para combater o turismo sexual. Depois das reações contrárias, a Adidas suspendeu a venda.
Na opinião da deputada Érika Kokay, apenas a retirada do produto ou a suspensação da campanha publicitária que ofende a dignidade das mulheres é pouco. A parlamentar quer mais:
"Muitas vezes você tem campanhas que afrontam os direitos de crianças e adolescentes, que afrontam o próprio País, que consideram mulheres como coisas, mercadorias, que podem ser consumidas por estrangeiros que aqui chegam e, simplesmente, a empresa apenas retira a campanha. Penso que as empresas que fazem esse tipo de publicidade têm que ser responsabilizadas e têm que arcar com multas que seriam revertidas para campanhas contra a violência que atinge as mulheres."
Já o deputado Danrley de Deus espera explicações da Adidas sobre as camisetas que associavam as mulheres do Brasil ao sexo:
"A gente querendo mudar isso no nosso País e vem uma empresa mundial do tamanho e do nível que é a Adidas e faz um produto dessa forma. O mínimo que eles têm que fazer é vir aqui e nos falar qual foi a ideia que eles tiveram quando resolveram botar um produto desses na rua. Quem foi que fez isso? A empresa no Brasil, a empresa mundial, a empresa na Alemanha? A ideia foi de quem?"
A Adidas é a fornecedora oficial de material esportivo da Copa do Mundo e fabricante, por exemplo, da bola do Mundial.
fonte:Rádio Câmara
imagem:ilustrativa - reprodução

Da tribuna, Titon se defende: “suposições fundamentam denúncia”


Motivado pelas falas dos parlamentares, durante a sessão ordinária desta quinta-feira (27), o deputado Romildo Titon (PMDB) ocupou a tribuna para dar sua versão dos fatos que envolvem seu afastamento da Presidência da Assembleia, determinado na tarde de quarta-feira (26) pelo desembargador José Trindade dos Santos, do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC).
Em um discurso emocionado, o parlamentar afirmou que durante 16 meses teve a vida, pública e privada, devassada. Do resultado das investigações, tornados públicos indevidamente, disse, constam uma série de inverdades e suposições. 
“Qual parlamentar não foi intermediário de recurso público para o município? Este é o nosso papel. Mas como ter culpa se alguém na ponta cometeu algum ato ilícito ou alguma prefeitura errou na licitação de algum contrato? Foi o que aconteceu comigo, em prefeitura onde nunca entrei”, disse.
Ele afirmou que não teme ser investigado, mas reafirmou que está sendo incriminado sem nem ter tido a chance de defesa. “Não sei o que querem ou onde querem chegar. Ainda não tive a oportunidade de fazer minha defesa”.
Dirigindo-se aos demais deputados ele pediu compreensão por não poder revelar mais detalhes referentes a sua defesa e pediu à sociedade catarinense que o leve em consideração com base em sua trajetória política. “Quero dizer aos meus colegas, amigos eleitores e ao povo catarinenses que os meus 35 anos de vida pública falam por mim. Que esses cabelos brancos não aceitam essa imputação de bandido, como querem colocar”.
A íntegra do discurso de Romildo Titon pode ser conferida no site da Rádio AL.
fonte:Agência AL
Foto:Fabio Queiroz-AL

VIDEIRA: Sábado (1º) é dia de Show com Paralamas do Sucesso para comemorar os 70 anos de Videira


O sábado, 1º de Março será marcado por uma grande festa musical em comemoração aos 70 anos de emancipação político administrativa de Videira. Sob a coordenação da Secretaria de Turismo e Cultura a Prefeitura de Videira está preparando uma ampla estrutura para a principal atração das festividades que é o show nacional gratuito com a Banda Paralamas do Sucesso. O grupo subirá ao palco montado no Estádio Luiz Leoni, a partir das 21 horas, apresentando o show que faz parte da turnê de 30 anos dos Paralamas. 
No show que os Paralamas trazem para Videira, Herbert Viana, Bi Ribeiro, João Barone e mais o tecladista João Fera e a dupla dos sopros, Bidu Cordeiro e Monteiro Júnior, vão tocar mais de 30 hits das mais diferentes épocas da banda. Não devem ficar de fora do repertório sucessos como Alagados, Bora bora, Cinema mudo, Selvagem, Calibre, Cuide bem do seu amor e Aonde quer que eu vá. Na infraestrutura da apresentação, um telão de led será montado no palco e exibirá, durante o show, a história visual da banda. 
Serão projetadas fotos, vídeos, capas de álbuns e matérias de jornais, rememorando a trajetória do grupo nestas três décadas de carreira ininterrupta. “É um show que escolhemos com carinho e pensando em toda a família. Com certeza muitos pais que tiveram a juventude embalada pelos Paralamas virão ao show acompanhados dos filhos que também já curtem essa banda que é ícone musical em nosso país”, diz o prefeito Wilmar Carelli.
O secretário de Turismo e Cultura, Clemir Schmitt destaca que além do show com os Paralamas a Secretaria desenvolveu um calendário de eventos para todo o ano que contemplará diversas áreas culturais, com especial enfoque para a história de Videira. Dentre as ações estão um festival de teatro escolar com o tema dos 70 anos, um concurso para a pintura artística de muros públicos da cidade, uma maratona fotográfica também sobre os 70 anos de Videira, a inauguração da primeira etapa do Parque Rio do Peixe, no dia 8 de março, o Pálio do Vinho e a Virada Cultural, que volta a ser realizada depois do sucesso da edição de 2010. “Teremos, em média, um evento, programa ou ação por mês relacionado aos 70 anos de Videira de março até o final do ano”, diz Schmitt. (Silvia Palma)

MPF: Anatel deve fiscalizar localização de antenas de rádio em todo o país


O Ministério Público Federal (MPF) de São Paulo recomendou ao Ministério das Comunicações que fiscalize a localização das antenas de todas as rádios do país e as respectivas áreas de cobertura para verificar se condizem com as concessões de transmissão concedidas pelo Ministério das Comunicações. O motivo para tal pedido foi o resultado do levantamento realizado na cidade de São Paulo, onde existem diversas antenas que transmitem na região da Avenida Paulista, apesar da concessão ser para operação em cidades do interior do estado. "Em alguns casos, o sinal não chegava na cidade de origem da concessão", explicou Jefferson Aparecido Dias, procurador regional dos direitos do cidadão do MPF.

 

Segundo Dias, a recomendação foi entregue há cerca de 15 dias. O Minicom tem 90 dias para propor um cronograma de fiscalização e 180 dias para realiza-la, explicou o procurador.

 

De acordo com a lei, o deslocamento de antenas de uma cidade para outra só é permitido para munir a cidade de origem de um melhor sinal de rádio - o que pode ocorrer se houver um ponto mais elevado na cidade vizinha. Mas, para que esse deslocamento seja autorizado, a empresa tem que garantir alguns requisitos básicos, como ter um estúdio principal e a maior parte de funcionários na cidade de origem; produzir a maior parte da programação nesse mesmo município; e garantir que o sinal chegue aos moradores da cidade para qual a empresa recebeu licença para funcionar.

 

No caso da cidade de São Paulo, a Anatel respondeu ao pedido do MPF sobre as rádios que deslocaram suas antenas na grande São Paulo. A agência verificou que 16 rádios não cumpriam os requisitos básicos para tal: Bandeirantes (FM 90,9) de Itanhaém, Sulamérica Trânsito (FM 92,1) de Mogi das Cruzes, Nativa (FM 95,3) e Mix (FM 106,3) de Diadema, Tupi (FM 104,1) de Guarulhos, Terra (FM 97,3) de Atibaia, Sê tu uma benção (FM 98,1) de Itatiba, Expressão (FM 106,9) e Scalla (FM 102,1) do Arujá, 89 (FM 89,1) e Alpha (FM 101,7) de Osasco, 106 Love (FM 105,7) e Tropical (FM 107,9) de Itapecerica da Serra, Energia 97 (FM 97,7) e Rede Aleluia de rádio (FM 99,5) de Santo André e Vida (FM 96,5) de São José dos Campos. De todas, apenas duas rádios fazem o sinal transmitido chegar ao local de origem da licença.

Dias participou nesta sexta-feira (21) de audiência pública rganizada pela Procuradoria Regional os Direitos do Cidadão do Ministério Público Federal realizou em São Paulo uma audiência pública para discutir o projeto de lei da mídia democrática. O evento foi organizado em parceria com o Intervozes – Coletivo Brasil de Comunicação Social.


fonte:Informação: tele.síntese 

"Defender trabalhadores não é ser comunista", diz Papa


O papa Francisco afirmou nesta quinta-feira (27) que defender os trabalhadores não é "ser comunista", em uma homilia celebrada em Santa Marta, no Vaticano, cujo tema principal foi a "incoerência".

"O cristão incoerente dá escândalo. E o escândalo mata", advertiu o Papa, citando o apóstolo Tiago. "Ouvimos o apóstolo Tiago dizendo a alguns incoerentes, que se envaideciam de serem cristãos, mas exploravam os seus trabalhadores: 'Olhai que o salário que não pagastes aos trabalhadores que ceifaram os vossos campos está a clamar; e os clamores dos ceifeiros chegaram aos ouvidos do Senhor do universo!' É forte o Senhor", disse Francisco, reproduzindo as palavras do apóstolo.

"Quem ouve isto até pode pensar que foi uma declaração de um comunista. Mas não, é do apóstolo Tiago! É Palavra do Senhor.   Quando não há coerência cristã e se vive com esta incoerência, faz-se o escândalo. E os cristãos que não são coerentes fazem escândalo", criticou.

 Da Ansa - Agência Italiana de Notícia
imagem ilustrativa-reprodução

Polícia Rodoviária Federal inicia Operação Carnaval


A Polícia Rodoviária Federal inicia nesta sexta-feira (28) a Operação Carnaval, que vai até as 12 horas da Quarta-Feira de Cinzas (5). Na maior parte dos estados, a operação começa no fim do dia, quando são esperados milhares de veículos nas rodovias estaduais e federais.
A polícia deverá usar recursos como bafômetros e radares modernos, capazes de ler as placas dos veículos automaticamente. O foco será a fiscalização de motoristas que bebem antes de pegar a estrada.
Caso seja flagrado, além da multa de R$ 1.915,40, o motorista poderá ter o veículo apreendido e a Carteira Nacional de Habilitação retida por 12 meses. O condutor terá ainda que responder a um processo, que prevê pena de seis meses a três anos de prisão.
fonte:Agência Brasil
imagem reprodução

Bancos fecham no carnaval

Hoje (28) é o último dia de funcionamento normal das agências bancárias. Em função do feriado de carnaval, os bancos estarão fechados segunda e terça-feira, dias 3 e 4. O atendimento ao público será retomado somente na Quarta-Feira de Cinzas (5), a partir das 12h.
As contas de consumo, como água, energia e telefone, e carnês com vencimento neste período poderão ser pagos no primeiro dia útil após o feriado, sem acréscimo. A população ainda pode utilizar os meios alternativos de atendimento, como caixas eletrônicos, Internet Banking, Mobile Banking e banco por telefone. Normalmente, os tributos já vêm com datas ajustadas ao calendário de feriados.
Os clientes também podem agendar nos bancos os pagamentos das contas de consumo ou pagá-las (as que têm código de barras) nos próprios caixas automáticos, ou em correspondentes bancários.
fonte:Agência Brasil
foto:Marcelo Camargo/ABr

quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

PIB do Brasil cresce mais do que o de nações desenvolvidas


O discurso uníssono da oposição de que a economia brasileira vai de mal a pior esvaziou mais um pouco nesta quinta-feira (27) com a divulgação, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), do resultado do Produto Interno Bruto (PIB) de 2013. A economia brasileira cresceu 2,3% e a produção de todas as riquezas do Brasil atingiu R$ 4,8 trilhões. O resultado veio acima das expectativas dos chamados analistas, maior até do que o desempenho apresentado por países desenvolvidos. O crescimento do PIB brasileiro foi superior ao dos Estados Unidos e do Reino Unido, que cresceram 1,9% em 2013; maior do que o crescimento do PIB da Alemanha, que ficou em 0,4%, maior do que o do Japão, que cresceu 1,6%, e bem melhor do que o PIB dos países da Zona do Euro, onde a economia, na verdade, andou para trás, com a riqueza encolhendo 0,4%.

Apesar de todas as dificuldades externas, de um mundo ainda muito conturbado pela crise de 2008, o desempenho do País mais uma vez demonstra que os fundamentos da política econômica são sólidos e tem um rumo: a garantia do bem estar dos brasileiros, com elevação de renda e pleno emprego.

O resultado divulgado na manhã desta quinta-feira (27/02) foi recebido com entusiasmo pela bancada petista no Senado. O líder do PT e do Bloco de Apoio ao Governo, Humberto Costa (PE) disse que, mesmo diante das condições extremas da economia mundial, o Brasil mostrou vigor, enfrentou as adversidades e cresceu – e não foi só a economia do País que aumentou, a riqueza dos brasileiros também.

“É uma resposta muito contundente da solidez do nosso crescimento e da credibilidade da condução da nossa economia”, ressaltou Humberto. “Essa alta do PIB vem ao encontro de uma série de outros indicadores muito positivos que têm sido divulgados, e que corroboram, decisivamente, para o aumento da confiança no nosso País”, afirmou.

O líder do PT no Senado avalia que a recuperação econômica mundial tem se dado num processo lento, e o Brasil – mesmo diante de um ambiente de pessimismo criado por alguns setores internos – tem apresentado crescimento acima da média global. “O PIB ainda não é aquele que queremos. Mas está gradualmente aumentando. Poucos países no mundo têm crescido como o Brasil”, observou.

Para o senador Delcídio do Amaral (PT-MS), a leitura atenta dos números é reveladora: todas as áreas cresceram, o agronegócio 7%, a indústria 1,3% e a área de serviços 2%. Segundo ele, também é um alento o percentual de 6,3% da taxa de Formação Bruta de Capital Fixo (FBCF), sinalizando que os empresários, mesmo diante dos discursos de que a economia vai mal, estão apostando no crescimento e, na prática, estão realizando investimentos na produção.

“Esse resultado reverte a tentativa de algumas pessoas de criar um cenário negativo em relação ao ritmo da economia brasileira. Os números comprovam que essa visão está errada e, na vida real, a economia está indo bem; tem reagido às medidas adotadas pelo governo da presidenta Dilma Rousseff. O crescimento do agronegócio, de 7%, é um exemplo da recuperação e mostra a vocação do Brasil nessa área. E meu estado deu expressiva contribuição para o resultado final”, comemorou o senador Delcídio do Amaral (PT-MS).

A senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) enfatizou o resultado ao analisar a Formação Bruta de Capital Fixo (FBCF) que cresceu 6,3% e a taxa de investimento que foi de 18,4% do PIB, acima do percentual de 18,2% do PIB em 2012. “Nosso crescimento vem sendo gerado pelo investimento e não pelo consumo, como alguns observadores afirmam. Não veio a recessão tão alardeada pela oposição. Melhor do que isso, o surpreendente crescimento das exportações no último trimestre de 2013, da ordem de 4,1%, revela que a economia responde aos estímulos da política macroeconômica conduzida pela presidenta Dilma Rousseff. Na realidade e na direção contrária o PIB não deu guarida aos pessimistas de plantão”, salientou.

Mesma avaliação tem o líder do Governo no Congresso, senador José Pimentel (PT-CE), para quem os pessimistas amanheceram mais tristes nesta manhã ao saber que o PIB brasileiro cresceu 2,3% e ficou bem acima do que o resultado de diversos países. “Os pessimistas amanheceram tristes. O País continua em ritmo de crescimento, ao mesmo tempo em que gera empregos e aumenta a renda das famílias. Esse é que é o Brasil. Seria bom que esses analistas se desculpassem com a nação”, recomendou

Para o senador Jorge Viana, o crescimento do PIB brasileiro foi substancial se comparado ao do ano passado, quando ficou em 1,1%. Avaliando o desempenho de outros países, Viana destaca que o resultado brasileiro só ficou atrás apenas do PIB da China (7%) e da Coreia do Sul (2,8%). Portanto, o Brasil foi a terceira economia que mais cresceu no planeta.

O senador Wellington Dias (PT-PI) recordou que o Brasil saiu ileso da maior crise de todos os tempos iniciada em 2008 e de lá para cá, o País continuou gerando empregos ano após ano, diferentemente do que via em outros países. As principais economias do mundo, nesse período, queimaram cerca de 60 milhões de empregos, enquanto o Brasil gerou aproximadamente dez milhões de novos postos de trabalho. “Em 2012 o crescimento da nossa economia ficou num patamar de 0,9% e crescer 2,3% no ano passado, dentro desse ambiente de crise mundial, significa dizer que ao contrário do pessimismo pregado por alguns as medidas adotadas pela presidenta Dilma surtiram efeitos. Sou otimista e digo que neste ano continuaremos crescendo. Acredito que é possível o PIB chegar a 3,5%, consolidado a retomada porque outras regiões começam a sair da crise”, avaliou.

Números
O agronegócio cresceu 7% no ano passado influenciado diretamente pelo desempenho positivo de algumas culturas que aumentaram a produção ao mesmo tempo em que se registraram ganhos de produtividade, com destaque para a soja (24,3%), cana de açúcar 10%), milho (13) e trigo (30,4%).

Na indústria, o crescimento teve contribuição da atividade do setor elétrico, gás, água, esgoto e limpeza urbana (2,9%). A indústria de transformação e o setor da construção civil cresceram 1,9% em relação a 2012 e na área de serviços, todas as atividades cresceram: serviços de informação (5,3%), transporte, armazenagem e correio (2,9%), comércio (2,5%), serviços imobiliários e aluguel (2,3%), administração, saúde e educação pública (2,1%), intermediação financeira e seguros (1,7%) e outros serviços (0,6%).PT no Senado (via Cut)

Desfile corre o risco de ficar sem jurados


A demora na liberação do valor de R$ 1 milhão que o Governo do Estado se comprometeu em repassar a Liga das Escolas de Samba de Joaçaba e Herval d´Oeste (LIESJHO), para a realização dos Desfiles das Escolas de Samba, pode prejudicar a vinda da comissão julgadora para Joaçaba.

O acordo firmado pela LIESJHO junto à empresa que contratou os jurados prevê o pagamento de metade do cachê no embarque do grupo no aeroporto, nesta sexta-feira, e o restante no desembarque. Mas diante da não liberação dos recursos pode fazer com que alguns dos julgadores desista de vir a Joaçaba. 
Segundo Gilmar Bonamigo, tesoureiro da Liga, a empresa contratada será informada da situação e a expectativa é que não haja desistência.
“Nós faremos um contato com a empresa hoje e não acreditamos que isso venha a acontecer. Dado o atraso do repasse do recurso o pagamento não será possível, por que o recurso não está a disposição e o dinheiro da bilheteria que até agora foi arrecadado nós não podemos utilizar enquanto o Estado não abrir uma conta com os recursos em nome da liga. Então mesmo que a gente quisesse não é possível gastar o valor da bilheteria. Entendemos que a empresa virá com os jurados a Joaçaba e fará o trabalho contratado, já que os recursos estão garantidos, o que falta é apenas a liberação por parte do governo”.
Bonamigo disse ainda que na hipótese dos jurados não virem a Joaçaba o carnaval não será prejudicado.
“Se acaso não tivermos os jurados o carnaval não será prejudicado, por que as escolas se apresentarão da mesma maneira e com o mesmo brilho e profissionalismo. O que deixará de ser feito é o julgamento e não teremos uma campeã, mas os desfiles estão garantidos”.
fonte: EderLuiz

Câmara de Herval realizará sessão solene para marcar a abertura da Campanha da Fraternidade


Atendendo a uma sugestão do padre Davi Lenor Ribeiro dos Santos da paróquia de Herval d’ Oeste, os vereadores aprovaram por unanimidade o requerimento nº004/2014 de autoria de todos os vereadores juntamente com o presidente Juarez de Souza, conforme dispõe o Artigo 115 e posteriores do Regimento Interno, para que seja realizada sessão solene no dia 6 de março ás 19h15 no pavilhão da Igreja Matriz Senhor Bom Jesus, que marcará a abertura da Campanha da Fraternidade de 2014, que tem como tema este ano: “Fraternidade e Tráfico Humano”, com o lema “E para a liberdade que Cristo nos libertou”. O ato contará com a presença do Padre Davi Lenor.
A escolha do tema surgiu com a proposta dos Grupos de Trabalho de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas e de Combate ao Trabalho Escravo, junto à Conferência dos Bispos do Brasil (CNBB) e a entidades ligadas à Pastoral da Mobilidade Humana. A Organização Internacional do Trabalho (OIT) está atenta para o aumento de vítimas do tráfico humano, do trabalho forçado e do tráfico para a exploração sexual. De acordo com o site da Organização das Nações Unidas (ONU), no Brasil, o tráfico de pessoas faz cerca de 2,5 milhões de vítimas por ano, incluindo homens, mulheres e crianças, mas principalmente pessoas vulneráveis e carentes – psicologicamente e de recursos.
O tema da Campanha da Fraternidade chegará junto com a Copa de 2014, época em que o país receberá muitos eventos e visitantes, o que pode favorecer aliciadores e traficantes. A Campanha será intensificada com um trabalho de conscientização para minimizar a prática criminosa. Segundo a ONU, o tráfico de pessoas é bastante lucrativo: movimenta anualmente 32 bilhões de dólares em todo o mundo. Desse valor, 85% provêm da exploração sexual. Entre os principais destinos de pessoas traficadas estão: Espanha, Itália, Portugal, França, Holanda, Áustria e Suíça.
De acordo com Juarez, o objetivo geral da Campanha da Fraternidade de 2014 é “identificar as práticas de tráfico humano em suas várias formas e denunciá-las como violação da dignidade e da liberdade humana, mobilizando cristãos e pessoas de boa vontade para erradicar este mal com vista ao resgate da vida, por isso a importância deste ato. A sessão solene servirá para envolver e alertar a comunidade e poder público para este grave problema”. Juarez finaliza, convidando toda a comunidade e sociedade civil organizada a participar.

Fonte: Joce Pereira
imagem -reprodução

Senado aprova projeto que dificulta fechamento de escolas rurais, indígenas e quilombolas


Os senadores aprovaram nesta quarta-feira (26) o projeto que estabelece critérios para o fechamento de escolas rurais, indígenas e quilombolas (PLC 98/2013). A proposta prevê que, para que uma escola dessas áreas seja fechada, o órgão normativo do sistema de ensino deva ser consultado. O PLC 98, de autoria do Executivo, segue para sanção.

O líder do governo no Senado, Eduardo Braga (PMDB-AM), disse que a proposta é de grande importância para milhares de crianças e jovens que vivem no campo. Segundo o Ministério da Educação, nos últimos cinco anos, foram fechadas 13 mil escolas na zona rural, o que gerou transtorno às populações.

O presidente do Senado, Renan Calheiros, disse que a proposta veio em muito boa hora, pois dificulta o fechamento das escolas rurais e as voltadas aos índios e aos quilombolas, que atendem atualmente a 151 mil alunos.

Funcionam como órgãos normativos na área educacional, por exemplo, os Conselhos Municipais de Educação, com representantes não só dos gestores, mas de toda comunidade escolar.

Durante o exame da matéria pela Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE), na terça-feira (25), a relatora, Ana Rita (PT-ES), também enfatizou a necessidade de assegurar a oferta contínua de educação aos estudantes.

– Pais e alunos não podem ficar desprotegidos dos humores de gestores públicos que podem simplesmente optar pela descontinuidade da oferta do ensino – disse.

fonte:Senado
imagem ilustrativa-reproduçao

Prefeito de Lebon Régis é o novo presidente da AMARP


O Prefeito de Lebon Régis, Ludovino Labas, foi eleito na manhã desta terça- feira (26), para comandar a Associação dos Municípios do Alto Vale do Rio do Peixe (AMARP) durante 2014. Labas foi conduzido ao cargo de presidente por aclamação dos 14 prefeitos membros da Associação que participaram da primeira reunião extraordinária do ano, comandada pelo então presidente da entidade e prefeito de Macieira, Emerson Zanella. O prefeito de Videira, Wilmar Carelli foi eleito vice-presidente e o prefeito de Caçador Beto Comazzeto o secretário da entidade. "Foi um ano de muito aprendizado e de muita articulação em prol dos nossos municípios membros. Deixo o cargo agradecido pela oportunidade de comandar uma das entidades mais importantes da região", disse Zanella.

Labas é prefeito reeleito do município de Lebon Régis e durante o discurso apontou que os seis anos de experiência na Administração Pública vai contribuir não apenas para o desenvolvimento do município que administra, mas também para todos os municípios da AMARP. "Junto com todos os prefeitos vou atuar principalmente na busca da solução para um problema que atinge todos os municípios membros que é a transferência de tributos federais que tem valores muito pequenos sendo repassados na atualidade. Sabemos que a Associação tem força e representatividade para lutar por isso e é dessa maneira que vamos atuar para que isso se reflita em mais qualidade de vida para nossa região", disse.

O encontro coordenado pelo secretário executivo da AMARP, Clóvis Biscaro ainda contou com a aprovação da reestruturação do Consórcio Cinco que passará a se chamar Consórcio Intermunicipal Catarinense e, que a partir de agora terá a área de atuação ilimitada no território catarinense e não apenas em 72 municípios como era previsto até então. Os prefeitos ainda aprovaram a adesão, ao Consórcio, dos municípios de Brunópolis e Frei Rogério, passando a atender 18 municípios. Já o Consórcio CIS-AMARP, através da diretora executiva Beatriz Perotto Preto, comentou sobre o fechamento das Contas do Exercício Financeiro de 2013 e sobre o reajuste da tabela de prestação de serviços, que será debatido na reunião do Colegiado que acontece nesta sexta-feira, 28 de fevereiro, na sede da AMARP. 

Por assessoria de comunicação

Fraiburgo também terá segurança através de videomonitoramento


Mais uma parceria entre o Poder Público e sociedade civil organizada celebra resultados positivos. Em encontro realizado nesta segunda-feira, 24/2, o prefeito Ivo Biazzolo, juntamente a representantes da Polícia Militar, Aciaf e CDL, discutiram o início das obras para implantação, no município de Fraiburgo, do Projeto Bem-Te-Vi – Segurança por videomonitoramento.

Vale relembrar que em 2 de outubro de 2013, o prefeito Biazzolo esteve em Florianópolis para assinatura do convênio com o Governo do Estado. O projeto faz parte do programa Pacto pela Segurança e prevê investimentos de R$ 10 milhões na instalação de mil câmeras de vigilância em 100 municípios catarinenses. De acordo com o chefe do executivo municipal, Fraiburgo receberá 10 câmeras que serão instaladas no centro e no Bairro São Miguel. O investimento na aquisição é de R$ 229.045,00. Deste total o município irá arcar com R$ 108.322,50, na forma de contrapartida.

Ficou acordado no encontro que, no prazo de 30 dias terá início o processo de cabeamento para instalação. Mediante nenhum imprevisto, a expectativa é que o sistema entre em funcionamento efetivo no mês de maio.

Para ouvir a matéria clique aqui:Fraiburgo, Sistema de Videomonitoramento pronto em breve

envio da matéria e locução: Genauro Stefansk 

Fonte deste Resumo:Assessoria de Comunicação  Prefeitura Municipal de Fraiburgo
imagem :  ilustrativa - reprodução

“Lei do Vinho garante avanço histórico”, defende Padre Pedro

Deputado destaca necessidade da inclusão de vinícolas no Simples Nacional


            A publicação, na última segunda-feira (24), do decreto que cria a “Lei do Vinho” e da portaria do preço mínimo para a safra da uva de 2014, foi comemorada pelo deputado Padre Pedro Baldissera (PT), um dos principais interlocutores do setor na Assembleia Legislativa. O parlamentar considerou o texto um “avanço histórico” para o setor. A medida regulamenta a produção, circulação e comercialização do vinho, da uva e seus derivados e é uma solicitação antiga dos produtores de vinho.

            Apesar de destacar os diversos pontos positivos da nova lei, o parlamentar lembrou que a ampliação da competitividade da vitivinicultura ainda depende do respaldo do governo para a inclusão das micro e pequenas empresas vinícolas no Simples Nacional, regime simplificado de tributação. O ponto já foi aprovado pela Comissão Especial que analisa o tema no Congresso Nacional, mas ainda não foi votado pelo plenário.

A presidenta justificou as medidas afirmando que os vinhos e sucos brasileiros são reconhecidos pela qualidade, tanto no mercado interno quanto no externo. “Vocês têm na presidenta uma parceira do setor”, garantiu. Dilma lembrou, ainda, das políticas do governo federal de escoamento da produção e de financiamento para os produtores de uva.

 “Estas medidas são importantes, garantem um mínimo de segurança para quem produz e são o mínimo que solicitamos há tempo. No entanto, é preciso avançar em termos de política tributária”, enfatizou o deputado Padre Pedro, lembrando que o decreto é aguardado desde 2008.  O documento detalhará a lei atualizada em 2004, com a adoção do Código Vitivinícola do Mercosul na legislação brasileira.

Como exemplo prático, com o decreto passam a ser reconhecidas zonas de produção vitivinícola em 10 estados do país. Atualmente, eram reconhecidas apenas regiões no Rio Grande do Sul e no Vale do São Francisco. Outro benefício para a cadeia produtora será a regulamentação de quesitos qualitativos nos vinhos, abrindo a possibilidade de uso de termos como Reserva e Gran Reserva nos rótulos.

Um dos pontos que o setor destaca na nova legislação é a Qualificação da produção com a implantação do Programa de Modernização da Vitivinicultura (Modervitis), inserido como ação no Plano Brasil Maior. O programa prevê a renovação de vinhedos e reestruturação de vinícolas através de financiamentos e assistência técnica em vitivinicultura, além de instrumentos de regulação de estoques.

fonte:Assessoria de Imprensa

Prêmio da Mega-Sena que saiu para Joaçaba, é divido quase sete anos depois


A ação que envolveu disputa entre patrão e empregado pelo prêmio da Mega-Sena referente a bilhete premiado em Joaçaba, chegou ao final com um acordo homologado na comarca do município nesta quarta-feira (26). A audiência foi presidida pelo juiz Edemar Gruber, da 2ª Vara Cível, e teve apenas a presença dos advogados das partes, que apresentaram o acordo firmado entre elas. Pelo ajuste, o empregado recebeu R$ 21 milhões, arrecadados de seis contas em nome do empresário e parentes.

O valor do prêmio sorteado no Concurso n. 898, de 01 de setembro de 2007, era de R$ 27 milhões. Com o consenso sobre os valores bloqueados e a homologação do acordo, foram feitas as transferências e efetuado o desbloqueio dos valores remanescentes nas contas dos envolvidos.

Entenda o caso

O prêmio estava acumulado em R$ 55,5 milhões e saiu para duas apostas, uma de Rondônia e a outra de Joaçaba/SC.

O marceneiro Flávio Júnior Biassi registrou um Boletim de Ocorrência de estelionato na delegacia na terça-feira, dia 04 de setembro, contra o patrão Altamir José da Igreja. No documento, ele acusou Igreja de ter fugido com o bilhete premiado, pois informalmente teriam combinado de repartir o dinheiro se os números fossem sorteados.

Desde então iniciou-se uma extensa batalha judicial. No processo, o ex-funcionário alega que deu uma combinação de números (03 - 04 - 08 - 30 - 45 – 54) ao patrão com base em seu celular. Afirmava ainda que tinha contribuído com R$ 1,50 para a aposta. O empregador, entretanto, se negava a repartir o prêmio, pois dizia que o jogo era um palpite próprio.

A sentença em 1º grau do juiz da 2ª Vara Cível da Comarca de Joaçaba, Edemar Gruber, determinou a divisão entre Biassi e Igreja. O ex-patrão recorreu ao Tribunal de Justiça de Santa Catarina que, ao analisar o caso, decidiu também pela divisão do prêmio ao constatar que os dois haviam “se associado com um objetivo comum”.

Em agosto de 2012, o STJ (Superior Tribunal de Justiça) manteve a decisão do tribunal estadual, decidindo pela divisão do prêmio de R$ 28 milhões entre os dois. Inconformado com mais uma derrota, a defesa de Igreja recorreu ao Supremo Tribunal Federal (STF), mas antes de uma nova decisão, as partes resolveram pelo acordo formalizado nesta quarta-feira.

fonte: Caco da Rosa
legenda foto: Na audiência, apenas o juiz e os advogado

Médicos cubanos chegam a Caçador dia 7 de março

Os dois cubanos que atuarão em Caçador, através do programa Mais Médicos, chegam ao município no dia 7 de março. Até lá eles passam pelo período de acolhida e capacitação em Florianópolis.


Uma equipe da Secretaria de Saúde de Caçador irá à capital do Estado para buscar os profissionais no dia 7 de março. A Prefeitura, conforme determina o programa do governo federal, ficará responsável por custear moradia, alimentação e transporte dos médicos.

Ainda não foram divulgados os nomes dos profissionais destinados a Caçador através do Mais Médicos. O certo é que eles devem atuar em programas da saúde da família.

Desta forma, a Secretaria Municipal pretende que os médicos atendam em unidades que abrangem atualmente duas regiões.

As opções seriam o posto de saúde bairro Martello que atende ainda população da Morada do Sol, e posto do CAIC que abrange também moradores do Recanto da Alvorada.

Nesses casos, os cubanos trabalhariam junto a um outro profissional, podendo tirar alguma eventual dúvida sobre nomes de remédios, por exemplo.

Fonte: Caçador Online

SC: Titon é afastado da Presidência da Assembléia Legislativa e Joares Ponticelli reassume o Cargo


Ontem (26), aconteceu  mudanças no Legislativo Estadual, e o vice-presidente Joares Ponticelli (PP) retoma ao seu antigo cargo, como presidente da casa. O atual  presidente que neste ano assumiu o posto, deputado Romildo Titon (PMDB) foi afastado pelo Tribunal de Justiça na tarde de ontem, ele foi indiciado pelo Ministério Público em decorrência da Operação Fundo do Poço, que investiga irregularidades na perfuração de poços nas regiões Oeste, Meio-Oeste de Santa Catarina.   O Deputado Titon passou mal ao receber a intimação. Já Joares Ponticelli (PP),  convocou em seguida os membros da Mesa e da Procuradoria Jurídica da Assembleia Legislativa para analisar a íntegra da decisão judicial.

ATLETISMO - Caçadorense é 9º lugar na Meia Maratona de São Paulo


No final de semana os melhores maratonistas brasileiros e de outros países estiveram em disputa na 8a edição da Meia Maratona de São Paulo. Caçador esteve presente na competição com o atleta da Fundação Municipal de Esportes, Laurindo Nunes Neto, que conquistou o 9o lugar geral e sendo o sexto melhor entre os brasileiros , visto que a vitória e o vice ficaram com atletas quenianos e o terceiro lugar com a Tanzânia.
O técnico do Atletismo caçadorense, Antônio Donizete Horbach, ressalta que este resultado mostra a evolução do atleta nas provas de longa distância.
“Laurindo iniciou sua participação em provas longas no ano passado, e hoje é um atleta bem colocado a nível nacional, e sentindo-se muito satisfeito, pois essa é a segunda meia maratona em que participa e já melhorou a sua marca que era de 01h15min para o tempo de 01h08min20Seg. Nosso atleta está apresentando um excelente nível técnico e a expectativa é que nas próximas competições suas marcas melhorem ainda mais”, explicou o treinador.
fonte:Ass.Imp.Caçador

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Operação Carnaval da PRF e PRMV começa sexta


A Polícia Rodoviária Federal (PRF) inicia a partir da 0h desta sexta-feira (25) a Operação Carnaval 2014. A ação será realizada até a meia-noite da quarta-feira de cinzas (5) e tem por objetivo proporcionar segurança, prevenir acidentes e garantir a fluidez do trânsito. A Polícia Militar Rodoviária (PMRv) dá início à operação no mesmo dia, às 18h. 

Segundo informações da PRF, haverá concentração de esforços no policiamento em locais de maior incidência de acidentes e mortes com ações preventivas para redução da violência do trânsito e de acidentes relacionados ao excesso de velocidade, à embriaguez ao volante, às ultrapassagens em locais proibidos e trânsito pelo acostamento.

Em 2013, o álcool foi causa direta de 6% do número de mortes das rodovias federais em Santa Catarina, informou a PRF. Ainda conforme a polícia, as maiores atenções estarão concentradas na região próxima ao litoral, com destaque para a BR-101, BR-280 e BR-470.

Nas rodovias estaduais, a operação da PMRv começa às 18h desta sexta (28). Na ação, estarão envolvidos os 24 postos rodoviários do Batalhão, onde serão empregados 476 policiais em escala de revezamento, com 192 viaturas do tipo moto, guincho, ambulância e de patrulhamento, em 96 rodovias com 219 trechos do estado.
 
  
O Comando afirmou que vai desenvolver uma política de conscientização dos usuários, no sentido de prevenir ao máximo, a ocorrência de acidentes de trânsito, bem como possíveis infrações.
 
Para ouvir a reportagem clique aqui:Operação Carnaval começa nesta sexta feira
locução e envio: Genauro Stefanski
Fonte: PRF, PRMV, G1